MENU

Seminário mulheres notáveis reúne representantes do Direito

Evento só de palestrantes mulheres será virtual e gratuito, nesta terça-feira (08), também Dia Internacional da Mulher

às 20h31
Inscrições são gratuitas
Inscrições são gratuitas
Compartilhe:

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Associação Brasileira de Direito Processual irá realizar na manhã e noite do dia 08 de março o seminário “Mulheres Notáveis”.  O Centro Universitário Tiradentes – Unit Alagoas,  através do Curso de Direito e em parceria com Associação Brasileira de Direito Processual (ABDPro), terá a professora e coordenadora de área dos cursos de humanas, Karoline Mafra como uma das responsáveis por conduzir o evento no horário da manhã. 

Para Karoline Mafra o evento é muito importante, pois além de ser no Dia Internacional da Mulher, ele busca mostrar as muitas conquistas femininas ao longo dos últimos séculos.

O evento será virtual e gratuito, com emissão de certificado. As inscrições são através deste link. Além disso, o seminário irá receber grandes mulheres da especialidade do Direito Processual, incluindo uma das maiores Processualistas Brasileira, Rosa Nery. 

Confira a programação:

Manhã: Hostess: Karol Mafra

08h45min – Abertura do Evento – Palavra do Presidente: Antonio Carvalho Filho

09h – Natascha Anchieta

Tema: “Reflexões sobre o comparativismo e o direito processual brasileiro”

09h30min – Marcia Cristina Xavier de Souza

Tema: “As implicações da aplicação das novas regras de citação nos Juizados Cíveis”

10h –– Janaína Noleto

Tema: “Aspectos polêmicos das mediações com o Poder Público”

10h30min – Carmen Nery

Tema:

11h – Roberta Gresta

Tema:

Noite Hostess: Luciana Benassi

18h30min – Professora Rosa Nery

Tema:

19h30min – Lucia Mugayar

Tema: “Uma trajetória nada ortodoxa na advocacia”

20h – Evie Nogueira e Malafaia

Tema: “Inconstitucionalidades na restrição de acesso do jurisdicionado às Cortes Superiores”

20h30min – Ana Beatriz Presgrave

Tema: “Dos limites à flexibilização procedimental”

21h – Virginia Afonso de Oliveira Morais da Rocha

Tema: “Os desafios da mulher advogada no processo criminal”

ABDPRO

A Associação Brasileira de Direito Processual (ABDPro) – entidade de âmbito nacional –acresce aí basicamente dois critérios materiais: propõe-se a 1) combater o hiperpublicismo processual, que tem alçado o juiz a um – excessivo – protagonismo, e 2) renovar a metodologia dogmático-processual a partir de recentes conquistas filosóficas, mormente nas áreas da lógica, epistemologia, hermenêutica e linguagem.

Siga a ABDPro nas redes sociais:

instagram.com/abdprocessual

facebook.com//abdprocessual

Compartilhe: