MENU

Reação de Hotéis durante pandemia é tema de debate na Semex

Presidente da ABIH/AL abordou perspectivas atuais do setor, bem como futuro das redes de hotéis após a pandemia do novo coronavírus

às 19h55
Ricardo André Duarte Santos é presidente da ABIH/AL
Ricardo André Duarte Santos é presidente da ABIH/AL
Compartilhe:

Em seu segundo dia, nesta quarta-feira (23), a oitava edição da Semana de Extensão (Semex) do Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL) trouxe em sua programação o webinar ‘Superando a crise e crescendo novamente: como a rede hoteleira está reagindo ao cenário atual?’. O tema foi apresentado por Ricardo André Duarte Santos, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH/AL).

Na mediação entre o público e o palestrante, esteve Marco André Ramos, coordenador do Unit Biz, que também discutiu sobre as perspectivas, novidades e dinamismo dos hotéis diante do novo cenário. Ele destacou a importância desse debate dentro da 8ª Semex, ao trazer um convidado para conversar sobre as ações da rede hoteleira em Alagoas e como ela tem enfrentado os desafios no atual panorama.

“O setor hoteleiro inicia uma retomada e esse momento demanda estratégias baseadas em diretrizes adequadas para cada contexto, afinal de contas são variados. Nós falamos de turismo, hotelaria, mas os contextos são muito diversos em um país grande como o Brasil, inclusive em Alagoas”, pontuou Marco André.

Perspectivas 2020

Iniciando a discussão, Ricardo André Duarte Santos enfatizou quais eram as perspectivas para o ano de 2020 antes da pandemia, com o início de voos vindos de Lisboa para Maceió e as novas portas abertas com o público da França, Itália e Alemanha.

“As expectativas eram ótimas. O setor estava preparado para ter uma alta temporada que iria ser considerada uma das melhores dos últimos anos, visto também os novos voos internacionais. Na baixa temporada tínhamos muitos eventos programados, o ano estava cheio de feriadões. Estávamos prontos para o grande ano que seria 2020. Mas tivemos que mudar tudo”, revelou.

Ricardo descreveu alguns impactos causados a partir da primeira orientação de fechar hotéis e pousadas. Além de ter que demitir colaboradores – cerca de um terço, em média – , alguns estabelecimentos ainda amargaram prejuízos financeiros altos. 

“Foi um período tenebroso, de choque para todos. Teve hotel com prejuízo de R$1milhão pelos cinco meses fechado. Pior ficou a situação dos menores, as dificuldades que eles passam para se manter. Alguns não puderam fechar as portas porque tinha gente morando e tiveram que manter a estrutura. Outros superaram as dificuldades com a criatividade, mesmo com a receita baixa, e estão tentando pagar seus custos”, afirmou o presidente da ABIH/AL. 

Mudanças, oportunidades e desafios para os Hotéis

Hoje, 98% dos associados da ABIH/AL já estão abertos, porém sem poder preencher sua capacidade total, diante dos decretos estaduais. Ricardo André acredita que a retomada dos empregos e da receita virão com o aumento gradual da ocupação. Segundo ele, o setor deverá alcançar uma estabilidade em julho de 2021 e uma recuperação completa da cadeia do turismo, junto aos seus 52 setores envolvidos, como estava antes da pandemia, apenas em 2022.

Ricardo André seguiu sua apresentação citando vários produtos e destinos em todas as regiões do estado, destacando o potencial turístico de cada uma, que podem ser ainda mais alavancadas a partir de soluções ofertadas em parceria com o poder público, ao trabalhar questões como infraestrutura, saneamento básico e segurança pública, e na união do próprio trade turístico.

“Vou citar o exemplo de Maceió, que terá, em breve, 90% do saneamento básico feito. O turismo vai pegar carona nisso. A Praia da Avenida vai voltar a ser o que era antes. As praias serão recuperadas. Nosso setor requer muita criatividade, independente da época. Iremos crescer passo a passo. Vamos nos adequar de acordo com o que estamos vivendo”, concluiu Ricardo André. 

A discussão pode ser assistida na íntegra no canal da Unit/AL no Youtube, no link www.youtube.com/watch?v=R3Cf2r9Pyc8. A programação completa do evento, que contará com simpósios, cursos, oficinas, mesas redondas, palestras e webinars, pode ser acompanhada através do site al.unit.br/semex/

A 8ª edição da Semex é promovida pela Unit/AL em parceria com o Sebrae Alagoas, Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC), Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas (Secult), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH/AL), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Alagoas (Abrasel/AL), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Alagoas (Fecomércio/AL) e Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal).

Por João Paulo Macena – Algo Mais Consultoria e Assessoria

Compartilhe: