MENU

Proteção de dados: você sabe o que é?

Lei de 2018, que entrou em vigor em 2020, garante seguridade da proteção de dados para pessoas jurídicas e naturais

às 13h59
Compartilhe:

Quando se trata de uma sociedade amplamente desenvolvida como a nossa, ainda mais de forma tecnológica, é importante garantir medidas que protegem os dados. Pensando nisso, é que surge o termo tão debatido nos últimos anos, seja em ambiente virtual ou não. 

A Lei Geral de Proteção de Dados nº 13.709 de 14 de agosto de 2018, mas que só entrou em vigor no ano de 2020, dispõe sobre o tratamento e proteção dos dados, inclusive nos ambientes digitais. Esse direito é assegurado para pessoas jurídicas tanto no ambiente público quanto no privado e para pessoas físicas, ou como são chamadas no Direito, pessoas naturais. 

De forma geral, a proteção de dados garante a possibilidade de cada cidadão decidir o que será feito com seus dados pessoais, isso de maneira segura e autônoma. Por mais que seja um termo recente, essa seguridade já é formalizada em lei e é fundamentada no conceito de proteção da privacidade. 

Dados na internet

Você já deve ter entrado em algum site na internet e ter que clicar em ‘aceitar todos os cookies’. Esse aviso passou a ser utilizado cada vez mais depois da Lei Geral de Proteção de Dados. Tem curiosidade sobre o que significa esse aviso? 

Os cookies são arquivos criados por sites para coletar informações sobre a sua navegação na internet. Eles são transferidos para o seu dispositivo e podem servir para vários objetivos, como oferecer mais comodidade. Isso inclui, por exemplo, manter a conta de um serviço ativa para você não precisar preencher login e senha toda vez, ou salvar os itens que você colocou anteriormente no carrinho de compras do site de uma loja.

Em geral, os cookies não representam perigo, já que eles costumam guardar códigos aleatórios – e não dados pessoais – para identificar usuários. Mas, mesmo sem coletar dados pessoais, os arquivos podem ter informações sobre seu histórico na internet.

Compartilhe: