MENU

Projeto Telelongevidade da Unit foi primeiro lugar no CONITES UFAL

Apresentação do trabalho foi representada pela aluna Jéssica Nascimento

às 17h31
Compartilhe:

Uso de tecnologias na área da saúde, assistência remota a pacientes, perspectivas para a saúde e monitoramento da covid-19, saúde mental e pandemia. Esses foram alguns temas abordados no Congresso Internacional de Tecnologias, Educação e Saúde (Conites), evento organizado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Alagoas (Ufal).

Para o evento, o projeto de extensão Telelongevidade e o idioso na pandemia: um relato de experiência, idealizado por alunos(as) do Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL), bem como professores internos e externos foi submetido para apresentação e conquistou o primeiro lugar. 

Pensando em possibilitar aos idosos interação e descontração de forma remota, dado a necessidade do isolamento social causado pela pandemia, o projeto funciona da seguinte forma: são realizadas ligações semanais diretas ou por videochamada para os idosos participantes com duração de 30 a 60 minutos, as quais são norteadas por um tema central e atividades educativas complementares, estas selecionadas com o auxílio de profissionais.

Fazem parte do projeto Telelongevidade: Jéssica Nascimento Borba, Carla Patrícia Alves Barbosa, Gabrielle Nunes Oliveira Santos, Tayná Maria Dantas Carozo Calumby, sob orientação do Psicólogo, Madson Alan Maximiano-Barreto e da professora Theresa Cristina de Albuquerque Siqueira. Além de uma equipe multiprofissional e o apoio de profissionais como: assistente social, psicólogo, terapeuta ocupacional e nutricionista, reforçando o desenvolvimento integral da atenção ao idoso.

Confira aqui a apresentação do trabalho durante o Conites.

Compartilhe: