MENU

Projeto de extensão presta atendimentos para atletas e praticantes de atividade física


às 21h01
Quando se é atleta ou praticantes de atividade física, é de conhecimento geral que os cuidados com a saúde devem ser redobrados e vistos com mais atenção, e o Centro Universitário Tiradentes – Unit AL se preocupa com isso.
Compartilhe:

Foi criado um projeto de extensão de atendimento de atletas e praticantes de atividade física, tendo como objetivo atender indivíduos para a melhora da performance e composição corporal visando competições e provas, objetivando melhora do desempenho.

Os pacientes são triados pela professora responsável, Ariana Amaral, para observação de parâmetros que os tornem elegíveis para serem acompanhados por esse ambulatório, como por exemplo, o tipo de atividade física que pratica, frequência, intensidade e objetivos.

É realizada através dos alunos do curso de Nutrição uma avaliação nutricional detalhada, onde o paciente é avaliado quanto a composição corporal: peso, altura, massa magra, percentual de gordura corporal, além da avaliação individualizada. O paciente recebe um plano alimentar a ser seguido além de orientações nutricionais para provas específicas de seu calendário e é acompanhado pelos alunos e professores da disciplina.

A frequência de consultas é ditada pela característica e objetivos de cada paciente. O atendimento é feito para público externo, alunos e colaboradores da Unit, desde que atendam aos requisitos do ambulatório.

Os requisitos do ambulatório são: ser atleta ou praticante de atividade física regular, desde que uma atividade que leve a melhora da composição corporal e desempenho (musculação, crossfit). Aqueles indivíduos que são iniciantes, que treinam poucas vezes por semana e numa intensidade mais leve são direcionados pra o atendimento da nutrição clínica.

“Diante de tantas informações lançadas na mídia e a busca pela melhora do desempenho esportivo e composição corporal o atendimento especializado é essencial para uma intervenção adequada a este público. Para os alunos que participam do projeto, é uma oportunidade de conhecer mais a área e aumentar os conhecimentos sobre a atuação da nutrição em diversas práticas esportivas”, informa a professora Ariana.

Compartilhe: