MENU

Perfil‌ ‌diferenciado‌ ‌dos‌ ‌profissionais‌ ‌é‌ ‌o‌ ‌novo‌ ‌normal‌ ‌no‌ ‌mercado‌ ‌de‌ ‌trabalho‌

Afetado pela pandemia, mercado de trabalho exige capacitação tecnológica e nova postura profissional

às 20h44
Polyana Barbosa é coordenadora do Unit Carreiras
Polyana Barbosa é coordenadora do Unit Carreiras
Compartilhe:

Amanhã, dia 1º de maio é comemorado o Dia do Trabalhador e diante dos impactos da pandemia que afeta a sociedade e atinge todas as classes de trabalhadores, seja de forma positiva ou negativa, o Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL) investe com prioridade na preparação de alunos e profissionais para o novo cenário tecnológico que exige cada vez mais de funcionários capacitados para o mercado de trabalho.

Os profissionais estão buscando se reinventar, o que leva a novas necessidades de cursos e capacitações. O formato de trabalho atual, em que a tecnologia digital permeia todas as atividades, demanda um tipo de profissional inovador, capaz de trazer suas habilidades para o universo virtual. A coordenadora de gestão de carreiras da Unit/AL, professora Polyana Barbosa, explica como os futuros profissionais devem se adaptar ao novo perfil que o mercado busca.

“A graduação é apenas um primeiro passo, a qualificação tem que ser contínua, fazer uma pós-graduação, um mestrado ou mesmo realizar cursos complementares, traz novos conhecimentos e agrega na formação do marketing pessoal”, explica. Polyana Barbosa ressalta ainda que atualmente o mercado procura o perfil profissional que está antenado a tecnologia e que busca aperfeiçoar cada vez mais seus conhecimentos. O meio virtual veio para ajudar, mas também pode atrapalhar as pessoas que não estavam preparadas para a mudança.

Gestão de Carreiras

Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo, a Unit/AL Carreiras prepara os alunos na elaboração de seus currículos, realiza planejamentos profissionais, simula entrevistas e promove o interesse constante pelo autoconhecimento. 

Durante a pandemia foi criada a plataforma de carreiras virtual, nela, o aluno pode interagir diariamente com os professores através de lives, oportunidade única para quem busca desenvolver melhor suas habilidades para o mercado de trabalho.

Atualização constante

O home office foi uma das adaptações impostas pela pandemia. As empresas se viram obrigadas a revisar suas políticas de trabalho remoto e tiveram que garantir o mínimo de infraestrutura para seus empregados. Por outro lado, a possibilidade de contratar pessoas com maior flexibilidade de horários, exigiu a mudança de postura também no comportamento dos profissionais, que tiveram que se adaptar para desempenhar seus serviços de novas maneiras.

Elzir Souza – Algo Mais Consultoria e Assessoria

Compartilhe: