MENU

Olhar discente: conheça o curso de Odontologia pela visão do aluno Ewerthon Cirilo

Graduando decidiu pelo curso por se inspirar em profissionais que ele admira

às 12h53
Compartilhe:

Com duração de cinco anos, a graduação em Odontologia vai muito além de cuidados com os dentes. O curso se dedica a cuidar da estrutura formada pelo rosto, pescoço e boca (aparelho bucomaxilofacial) das pessoas além de acompanhar, tratar e diagnosticar problemas nessa região do corpo. Conheça mais sobre o curso pelo olhar do discente Ewerthon Cirilo.

Graduando do sexto período na Unit Alagoas, Ewerthon conta que optou pela Odontologia por conviver com diversos especialistas da saúde que são inspiração para ele. Por isso, viu uma oportunidade de atuar na melhoria da saúde da população trabalhando ao lado de profissionais que ele admira.

O estudante explica que durante o curso se aprende de tudo um pouco. “São diversas aulas práticas, laboratoriais e clínicas de atendimento à toda população. A minha parte favorita do curso, sem dúvidas, é essa vivência clínica. Prestamos atendimentos com a finalidade de realizar a manutenção da saúde da população e diariamente estamos lidando com diversos casos diferentes, sempre em constante aprendizado e ajudando aqueles que precisam de nossos cuidados”, conta.

Ewerthon destaca que, apesar da profissão se dedicar a região da cabeça e pescoço, desde o primeiro período ele tem aulas sobre todo o corpo humano e seus processos, modificações e terminações nervosas pois, de acordo com seus professores, a boca não é algo isolado do corpo humano, é preciso examinar como um conjunto para saber causas e fatores de problemas.

Na Unit, além das aulas direcionadas às diversas especialidades, existem os projetos extracurriculares, como ligas acadêmicas, monitorias e projetos de pesquisa, que dão oportunidade de aprender um pouco mais sobre as áreas que os alunos mais têm interesse. “Durante a graduação temos esse contato com todas as especialidades, estudamos e vivenciamos um pouco de cada uma, para ao fim do curso decidirmos qual área queremos seguir, em que campo queremos atuar e o que mais gostamos de fazer”, comenta o estudante.

De acordo com ele, nos períodos finais do curso é o momento dos estágios “extra-muro” no qual são realizados atendimentos em Unidades Básicas de Saúde (UBS), no Programa de Saúde da Família (PSF) e em diversos outros centros de atendimento, oportunidade que ajudam ainda mais no preparo para entrar no mercado de trabalho.

Quando se formar Ewerthon pensa em atuar na área que atualmente é mais valorizada e conhecida: Odontologia Hospitalar, atuando como Cirurgião Dentista de UTI ou Intensivista. Esta área age na fiscalização e na prevenção de acometimento do paciente com doenças adquiridas através do acúmulo de microrganismo na boca do paciente e na prevenção e tratamento de diversos outros tipos de doenças.

Compartilhe: