MENU

Oficinas de jornalismo reforçam o diálogo com o mercado de trabalho


às 15h48
Jornalistas com vasta experiência no mercado de trabalho trocaram experiências com os estudantes do curso de Jornalismo do Centro Universitário Tiradentes (Unit AL), durante a 10ª edição do Conversa de Jornalista, realizado nos dias 15 e 15 deste mês.
Compartilhe:

A prática do Jornalismo Esportivo ficou a cargo da repórter Charlene Araújo, que atualmente escreve para a Fox Sports. Ela tratou da mulher no mundo do jornalismo esportivo e a situação das mulheres na cobertura do futebol.

“Acho imprescindível abordar esse assunto em um ambiente acadêmico, pois precisamos inserir cada vez mais mulheres nesse meio”, afirmou Charlene. A estudante de jornalismo Laís Tavares participou da oficina e gostou da abordagem. “É muito importante ter uma mulher falando sobre o jornalismo esportivo, pois ainda não vemos muitas mulheres atuando nessa área”.

A oficina também contou com a participação do jornalista Emerson Junior, que atua no programa de rádio 7Segundos e é comentarista do programa Arena, da TV Ponta Verde.

A discussão teve como foco o mundo do esporte, a importância das fontes, credibilidade do jornalista, checagem dos acontecimentos, as mudanças e inovações, que surgem com a ascensão das mídias sociais e o seu uso a favor da informação. “O debate entre profissionais e alunos é muito produtivo para ambos, pois é um momento de segmentar, aprimorar e entender”, ressaltou Emerson.

Investigação e TV

Para aqueles que gostam de ir fundo na apuração, o jornalista Thiago Correia ministrou a oficina de jornalismo investigativo, onde relatou detalhes de apuração de reportagens e momentos que marcaram sua carreira durante a execução das matérias. Além disso, compartilhou algumas dicas e técnicas para entrevistas e reportagens, para quem deseja informar de forma eficiente e seguindo os preceitos jornalísticos.

A oficina de telejornalismo, ministrada pelo jornalista e mestre em comunicação, Luiz Alberto, inseriu os participantes no universo da televisão e, em especial, do jornalismo de TV. Além de trazer várias dicas sobre como se posicionar diante as câmeras e apresentar o setor, promoveu atividades práticas com os estudantes presentes que puderam sentir um pouco dos desafios de se fazer telejornalismo.

“Esse é um momento em que o profissional apresenta seu conhecimento adquirido durante anos de mercado e leva para os estudantes em um conhecimento prático, tentando deixá-los mais próximos de como tudo acontece”, explicou Luiz Alberto.

A estudante Eduarda Ferreira ressaltou que promover esse tipo de evento é muito importante, pois proporciona aos estudantes de comunicação um momento e oportunidade de ter contato com profissionais. Isso contribui diretamente para que possamos ter um direcionamento na área em que queremos exercer.

Compartilhe: