MENU

Mudança de curso: como se adaptar ao conteúdo da disciplina

Ao optar por mudar de curso, é preciso buscar informações sobre a área e orientação sobre o aproveitamento de disciplinas

às 18h22
A decisão de trocar de curso deve ser bem pensada e estudada, por ter relação direta com o caminho que se busca trilhar profissionalmente (Unsplash)
A decisão de trocar de curso deve ser bem pensada e estudada, por ter relação direta com o caminho que se busca trilhar profissionalmente (Unsplash)
Compartilhe:

Você está estudando um curso, percebe que ele ou a carreira referente a esse curso não é para você, e que por isso é necessário trocar ou pedir transferência o mais rápido possível. Mas como trocar de curso sem perder o que já foi estudado? E quando a mudança de curso é entre áreas diferentes? Como se adaptar ao conteúdo da disciplina?

Quando não se está mais motivado, é buscar outro curso, principalmente nos casos em que não se está confortável com as regras, métodos de ensino ou mesmo com os professores.

“Esse processo deve ser feito de forma cautelosa, pois não se trata meramente de um curso, é de fato a carreira que você escolheu seguir que está em jogo, seu futuro. Desta forma, antes de tomar qualquer decisão pesquise bem as áreas de interesse, se aprofunde no conteúdo do curso que pretende escolher, converse com profissionais que estão atuando no mercado. Esses passos são fundamentais”, orientou a coordenadora do Unit Carreiras, Maria Luísa Teodoro.

Se a troca de cursos for entre áreas diferentes, como sair de Humanas e ir para Exatas ou Biológicas, por exemplo, pode ser que o estudante não consiga aproveitar disciplinas que já tenha cursado e, tenha, realmente, que começar tudo de novo.

“Caso a mudança de curso seja inevitável, repita o processo de busca por uma outra área de interesse e junto à universidade procure orientação sobre como essa troca pode ser feita e se há possibilidade de aproveitar uma ou outra disciplina que se tenha estudado. Se a opção envolver uma mudança brusca, será preciso se adaptar rapidamente às novas disciplinas, iniciando literalmente do zero”, orienta. 

Asscom | Grupo Tiradentes 

Compartilhe: