MENU

Inscrições para o 2º semestre do Prouni começam em 13 de julho

Candidatos que fizeram o Enem 2020 podem se inscrever entre 13 e 16 de julho para concorrer às bolsas do ProUni 2021; veja aqui como fazer a sua inscrição

às 18h50
O ProUni oferece bolsas integrais e parciais para cursos superiores em faculdades e universidades particulares (Reprodução/MEC)
O ProUni oferece bolsas integrais e parciais para cursos superiores em faculdades e universidades particulares (Reprodução/MEC)
Compartilhe:

As inscrições para o segundo semestre do ProUni (Programa Universidade para Todos) serão abertas no próximo dia 13 de julho, através de sua página oficial na internet. O ProUni oferta bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de ensino superior de todo o país, com vagas abertas em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, para estudantes brasileiros ainda não graduados. O período de inscrição durará três dias, indo até 16 de julho. O procedimento é gratuito. 

No momento da inscrição, o candidato será direcionado à página da plataforma Gov.br, que concentra todos os serviços públicos do governo federal. Ali, ele pode preencher o CPF e a senha. Caso o aluno não tenha acesso ao sistema, pode fazer o cadastro na mesma plataforma, preenchendo as informações solicitadas. 

Em seguida, ele pode escolher, conforme seu perfil e em ordem de preferência, até duas opções de instituição, curso e turno dentre as bolsas disponíveis. Tais opções podem ser alteradas até o fim das inscrições, no dia 16, sendo que a última inscrição confirmada até lá será a válida. Pessoas que se autodeclaram pardas, pretas, indígenas, além das que têm deficiência podem escolher as vagas disponíveis pelos sistemas de cotas e ações afirmativas. 

Após a fase de inscrição, vêm os resultados das duas chamadas de candidatos aprovados, sendo a primeira em 20 de julho e a segunda em 3 de agosto. A lista de aprovação é definida a partir das notas dos candidatos na edição 2020 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O próprio sistema do ProUni calcula e informa, todos os dias, uma nota de corte para definir os candidatos com mais chances de serem selecionados em cada curso escolhido. Essa nota, no entanto, não garante a escolha para a bolsa, servindo apenas como uma referência para que o aluno monitore a evolução da concorrência nos cursos escolhidos e possa, inclusive, até mudar suas opções. 

O aluno selecionado para a bolsa escolhida deve ficar atento a outro prazo importante. Após a divulgação dos resultados das chamadas, ele terá oito dias para apresentar documentos e comprovar as informações prestadas durante a inscrição. Além da nota obtida do Enem, o estudante precisará provar que fez o Ensino Médio na rede pública (completo); em instituição privada como bolsista integral (completo); ou parcialmente nas duas, em períodos diferentes. Também deve ser comprovada a renda familiar bruta mensal por pessoa, cujo limite é de 1,5 salário mínimo (R$ 1.650) para as bolsas integrais (100% da mensalidade) e de três salários mínimos (R$ 3.300) para as parciais (50%). 

A quantidade e a relação das vagas disponíveis para o segundo semestre do ProUni 2021 nas unidades do Grupo Tiradentes será divulgada brevemente, em nossos portais. 

Asscom | Grupo Tiradentes 
com informações do MEC

Compartilhe: