MENU

Fórum de Desenvolvimento Regional oferece orientações voltadas para a saúde


às 15h49
Compartilhe:

Os alunos do curso de Biomedicina do Centro Universitário Tiradentes – Unit – participaram o Fórum de Desenvolvimento Regional, que aconteceu no último sábado, 14, no campus Amélia Maria Uchôa. Na oportunidade eles puderam oferecer serviços a comunidade carente e dar orientações quanto a qualidade de vida.

O teste micológico tem a finalidade de mostrar a importância de diagnosticar doenças de pele como: micoses, pano branco, impinge e outras doenças. Dependendo do tipo de lesão, o paciente recebe o diagnóstico instantaneamente. Os testes foram feitos a partir da cultura das escamas de pacientes que apresentaram sintomas suspeitos, sendo analisados no laboratório da Unit através de um microscópio e cerca de dez pessoas participaram do processo no decorrer do fórum.

O estudante do oitavo período Alisson da Silva Lima, participa de ações sociais desde o primeiro período. Para ele, além de ajudar as comunidades carentes, o fórum proporciona conhecimento prático. “O que me motiva é saber que estou ajudando as pessoas mais necessitadas a ter qualidade de vida, isso não tem preço”, afirma o estudante.

Os serviços de saúde que foram oferecidos foram: Orientação de higiene bucal e aplicação tópica de flúor. Plantão Psicológico. Avaliação e recomendações nutricionais. Coleta de citologia e exame clinica das mamas. Verificação de pressão arterial; Orientação para a prevenção de doenças, Saúde da Criança. Teste de glicemia pós-prandial. Teste micológico. Oficina de Higiene Microbiológica Doméstica. Massoterapia. Saúde da Mulher (cuidados com a pele, prevenção do câncer de mama e de colo do útero); Prevenção da Hérnia de disco; orientações quanto à postura diante do computador; Incentivo a prática de atividade aeróbica; Avaliação postural e massoterapia. Palestra educativa sobre higiene. Orientações sobre violência contra a mulher, direitos da pessoa com deficiência, gravidez na adolescência, drogas e DST e AIDS.

Autor: Iara da Silva – Estudante de Jornalismo

 

Compartilhe: