MENU

Experiência Acadêmica Tiradentes oferece modelo inovador ao estudante

Modelo acadêmico vem sendo implementado desde 2019 em todas as unidades da Unit e se propõe a fortalecer a formação integral e profissional dos estudantes

às 23h45
Experiência Acadêmica Tiradentes alia a tecnologia à inovação, ao conhecimento e à formação acadêmica	(Acervo Unit)
Experiência Acadêmica Tiradentes alia a tecnologia à inovação, ao conhecimento e à formação acadêmica (Acervo Unit)
Novos modelos curriculares das instituições de ensino se baseiam nos princípios da formação integral do estudante (Acervo Unit)
Compartilhe:

O Grupo Tiradentes oferece um modelo acadêmico voltado a uma formação que não valha apenas para a carreira profissional do estudante, mas para a vida inteira e para o objetivo de transformar através do conhecimento. Essas premissas estão consolidadas na Experiência Acadêmica Tiradentes, projeto que já vem sendo desenvolvido desde 2018 na Universidade Tiradentes (Unit Sergipe) e nos Centros Universitários Tiradentes (Unit Alagoas e Unit Pernambuco), através da reformulação dos desenhos curriculares de todos os cursos ofertados pelas três unidades, trazendo impactos positivos para mais de 50 mil alunos em todos os estados atendidos pelo grupo (Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Bahia). 

A partir desta reformulação, que começou a valer para os alunos a partir do período 2019.2, os desenhos curriculares passaram a ser mais plurais e flexíveis, isto é, são adaptáveis aos objetivos e às demandas dos estudantes, mas sem perder o foco na formação integral do profissional e na vivência de todas as etapas teóricas e práticas da vida acadêmica. “O objetivo central do projeto é melhorar a experiência do estudante”, resume a professora Paloma Modesto, diretora de qualidade da Vice-Presidência Acadêmica do Grupo Tiradentes.  

Uma das formas de proporcionar esta vivência ao aluno, dentro da Experiência Acadêmica Tiradentes, está nas atividades práticas proporcionadas desde o início de cada curso. Através dos professores, eles se envolvem em imersões, aulas práticas, visitas técnicas e experimentos, em laboratórios e outros ambientes voltados à construção do conhecimento. Além de facilitar a aprendizagem, essa diretriz visa incentivar o aluno a fazer e viver novas descobertas, tanto para a vida profissional quanto a pessoal.

Neste sentido, encaixa-se a curricularização da extensão universitária, que é o processo de vinculação de 10% da carga horária de cada curso a projetos e atividades de extensão, atendendo à exigência do Ministério da Educação (MEC), com base na Lei de Diretrizes e Bases (LDB). A disciplina de Experiência Extensionista começou a ser aplicada neste semestre 2021.2, em alguns cursos das Units, e deve ter sua implantação concluída até o ano que vem. Através destas práticas, em serviços prestados à comunidade pelos projetos da própria Unit ou em parceria com entidades, empresas e órgãos públicos, o estudante pode desenvolver competências e praticar o conteúdo aprendido em sala de aula. 

A Experiência Acadêmica Tiradentes incentiva ainda a participação do estudante em estágios e atividades complementares, como participação em congressos, pesquisas e eventos científicos. Isso inclui ainda as atividades de Internacionalização, como a Mobilidade Acadêmica no exterior. Através dela, o aluno pode cursar disciplinas complementares em uma das 80 instituições de ensino conveniadas com o Grupo Tiradentes em 17 países, o que é possível inclusive através da mobilidade virtual, com aulas on-line que podem ser conciliadas com o curso feito no Brasil. 

Tecnologia e ensino

A conciliação entre tecnologia e conhecimento é outro diferencial da Experiência Acadêmica. Os cursos já estão adaptados ao Ensino Híbrido, que promove as atividades em sala de aula juntamente com as aulas on-line e os métodos de autoaprendizagem, agregando conectividade e uma maior fluência digital ao aprendizado. Para os professores, o modelo traz ainda inovações na metodologia acadêmica, melhorias no planejamento das disciplinas e a oportunidade de uma formação e qualificação constante, a exemplo do que aconteceu no início da pandemia, quando o Grupo Tiradentes treinou todos os professores para ministração das aulas virtuais. Já para os alunos, o Ensino Híbrido oferece uma maior aprendizagem crítica e reflexiva, a valorização do estudante como protagonista e a flexibilidade para escolher quando e onde quer estudar. 

Para as instituições, a Experiência traz a garantia de cursos e disciplinas adequadas à necessidade do mercado de trabalho. E essas necessidades são contempladas através do trabalho do Tiradentes Carreiras, núcleo de empregabilidade das Units, que complementa a experiência do estudante ao aproximar a universidade das empresas e instituições. Através dele, os alunos e egressos podem ser orientados e capacitados para fazer currículos e enfrentar processos de seleção, além de serem encaminhados para vagas de estágio, trainee e emprego oferecidas pelas próprias empresas interessadas. 

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: