MENU

Coronavírus: como lidar com o emocional durante o isolamento?

Saiba como ser positivo, controlar a ansiedade e lidar com crianças e idosos na quarentena

às 13h40
Compartilhe:

Em tempos de quarentena por conta da pandemia do novo coronavírus e a doença por ele causada, a Covid-19, é importante mais do que nunca manter a saúde mental. Por isso, nós do Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL) trouxemos algumas informações que podem ajudar todo o corpo discente, docentes e comunidade a passarem essa fase com mais calma, fazendo uma autoavaliação durante esse período e sendo positivos a partir de ações simples.

Antes de tudo, é importante manter a calma e evitar ler, assistir e ouvir notícias que possam causar ansiedade e estresse. Busque apenas informações essenciais para sua saúde e da sua família, em horários bem definidos uma ou duas vezes ao dia, lembrando sempre de acessar fontes confiáveis. Não acredite em boatos espalhados na internet. Um fluxo alto de informações sobre a pandemia pode trazer preocupação em excesso.

Seja positivo e compartilhe positividade
Quer compartilhar alguma notícia? Compartilhe algo positivo como pessoas que se recuperaram da Covid-19, pessoas que estão espalhando o bem ou outras mensagens positivas durante a pandemia.

Seja positivo fazendo atividades benéficas e que dão prazer como a dança, atividades físicas (que também ajudam a regular o sono), ouvir música, jogar e artes plásticas. Visto o isolamento físico, mantenha contato virtual com os amigos através do telefone, redes sociais, chamada de vídeo, e-mail, etc.

Evite o uso de álcool, tabaco e outras drogas. Se alimente bem e esteja sempre atento aos seus sentimentos. 

Demonstre empatia com todos os afetados em qualquer país do mundo. As pessoas infectadas não fizeram nada de errado. A doença não tem nada a ver com a etnia delas. Contribua para diminuir esse estigma.

Compartilhe essas ações com outras pessoas da sua rede e dê dicas de leitura, filmes e séries. Compartilhe, também, algum dos concertos online feito por artistas nas lives do Instagram. Informações sobre passatempo com crianças também são bem-vindas.  

Crianças na quarentena
Para quem tem filhos ou está passando esse período com crianças é fundamental ajudá-las a expressar sentimentos ruins, como medo e tristeza. Para tal, busque fazer atividades lúdicas e criativas, por exemplo brincadeiras e desenhos. Elas podem ajudar a controlar o estresse.
Em tempos de quarentena, as crianças vão exigir mais dos pais e de quem cuida delas. Por isso, estimule-as a socializar mais e a interagir com aqueles que estão em casa. Fale sobre a Covid-19 com os pequenos de forma honesta e em uma linguagem apropriada para a faixa etária deles.

E os idosos?
Neste momento, os idosos podem se tornar mais ansiosos e agitados, principalmente aqueles que têm alguma limitação cognitiva. Os idosos estão no grupo de risco da doença, por isso, busque apoiá-los de forma prática e emocional por meio das redes familiares e de profissionais, repassando informações claras sobre prevenção, como lavar bem as mãos várias vezes ao dia.

Não se esqueça dos cuidados básicos para todos:
Fique em casa;
Lave as mãos frequentemente;
Use álcool em gel caso não tenha água limpa e sabão por perto;
Use um lenço ao tossir, espirrar ou abrir portas;
Evite levar as mãos aos olhos, nariz e boca;
Mantenha os ambientes limpos e ventilados;
Está doente? Use máscara.

Por João Paulo Macena – Algo Mais Consultoria e Assessoria

Compartilhe: