MENU

Copywriter: termo antigo ganhou vida nova com a publicidade digital

Estratégia de produção de conteúdo pode ser foco para o estudante de comunicação

às 21h14
O copywriter nasceu da redação publicitária, mas por suas especificidades tem sido diferenciado desta prática mais clássica (Unsplash)
O copywriter nasceu da redação publicitária, mas por suas especificidades tem sido diferenciado desta prática mais clássica (Unsplash)
Compartilhe:

Toda empresa de sucesso precisa de um profissional habilidoso com as palavras. Isso porque posts envolventes nas mídias sociais fazem diferença quando se busca capturar a atenção do usuário, engajar e fazer dele um seguidor ou, ainda melhor, um “compartilhador” desses conteúdos. Para conseguir tal feito, não basta escrever bem: é necessário escrever com um propósito bem definido.  É a função do chamado ‘copywriter’, que não é nenhuma novidade.

O termo em inglês foi importado ao país para designar aquele antigo profissional que escrevia anúncios nos jornais impressos e assim, não confundi-los com os redatores de notícias. Hoje, é utilizado para referir-se a técnicas específicas de escrita utilizadas na criação de diferentes tipos de textos publicitários, sendo atualmente muito requisitados pelo mercado, especialmente no marketing digital

Ele nasceu da redação publicitária, mas por suas especificidades tem sido diferenciado desta prática mais clássica. O “copy” explora os diversos tipos de textos publicitários, em variados formatos e tamanhos e para públicos diversificados, das crianças aos mais maduros, sempre aprimorando-o para estar de acordo com as inovações que não param de surgir.

Copywriting

É marcante a utilização da linguagem persuasiva para criar anúncios impactantes, artigos e roteiros que tem por missão atrair a atenção do público. Além disso, é preciso manter o leitor interessado no produto ou serviço anunciado. O desafio principal é conseguir destacar o cliente/produto no oceano de anúncios existentes.  

Sua essência voltada para despertar no cliente o desejo de tomada de decisão, seja curtindo um post, assinando um newsletter, fazer o download de algum material ou apenas permanecer mais tempo na página ou site em questão. Esta técnica conhecida por CTA (call-to-action) é a mais utilizada para convencer e prender a atenção. 

Aperfeiçoando uma habilidade

Para quem se interessa, existem outras estratégias, possíveis de serem aprendidas com um pouco de estudo e prática. É uma carreira ideal para quem já tem habilidade de redação e poderá aprimorá-la com o foco na comunicação publicitária integrada ao marketing

Os publicitários estão entre os profissionais que dominam a ferramenta, mas não são os únicos. Na rotina de trabalho, se aprimora a feitura do texto comercial, lapidando sua a estrutura para se adequar às diferentes mídias e aos variados gêneros da escrita criativa. 

Seu trabalho pode partir de uma ideia pouco elaborada, para a partir dela criar conteúdos com potencial para atrair e fidelizar determinado público. Além de escrever textos atraentes e impactantes, é preciso também saber selecionar informações relevantes e editá-las adequadamente. 

O objetivo de todo o trabalho ainda é o mesmo: afinar a comunicação com o cliente, se aproximando das suas necessidades por meio das palavras e usando o poder que elas têm. Toda empresa precisa deste serviço, mas o profissional capacitado também pode trabalhar de forma autônoma e remotamente. 

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: