MENU

Competências profissionais: O que o mercado exige?

Estágio é uma oportunidade de conquistar a colocação profissional

às 17h44
Compartilhe:

Se você está entrando ou saindo do mundo universitário o mercado profissional está à sua espera. Com a evolução das relações de trabalho algumas competências são exigidas para o alcance de boas oportunidades e salários justos. Entenda também porque a boa gestão de pessoas conquista 59% da escolha das grandes empresas.

Mas como saber o que as empresas esperam dos jovens hoje? Tudo depende do objetivo, da cultura e dos valores de cada organização. Mas ao contrário do que muitos imaginam, existem algumas expectativas do mercado em relação a esse profissional que coincidem com as dele.

É uma área muito exigente, excludente e competitiva, e a empregabilidade tem por base um tripé composto de conhecimentos, competências e relacionamentos. O conhecimento é algo que está disponível de várias formas e pode ser adquirido por vários meios. Seja qual for a área da sua escolha, busque o conhecimento e uma atualização específica. Em segundo lugar estão as competências desenvolvidas desde o início da vida social.

Isso significa que é preciso ter a capacidade de mobilizar conhecimentos, valores e decisões para agir de modo adequado numa determinada situação. É aquilo em que você é bom e os outros acreditam, sendo necessária a prática para aperfeiçoamento. E, por fim, está a rede de relacionamentos, que é o conjunto de pessoas com as quais o indivíduo se relaciona. Isto significa cultivar amizades durante a vida e saber utilizá-la na carreira, visando uma colocação profissional.

Central de Estágios

A Faculdade Integrada Tiradentes – FITS conta com a Central de Estágios, um setor voltado para a empregabilidade, no qual existe a divulgação de vagas de estágios e empregos, por meio de um banco de currículos exclusivo da instituição.

Atualmente dispõe de mais de 360 convênios diretos com empresas e órgãos públicos, além das parcerias com os agentes de integração, como: CIEE, IEL, CONSULT, ABRES (Agência Brasileira de Estágios), CONASERH, dentre outras, maximizando as oportunidades.

O coordenador da Central de Estágios, Marcos Tiburtino, afirma que há uma procura muito grande por estágios e a busca só tende a crescer. “Nós recebemos as demandas, fazemos uma triagem de acordo com o perfil solicitado pela empresa e orientamos quanto à elaboração de um currículo eficiente. Também treinamos como o estudante deve se comportar antes e durante a entrevista, no desenvolvimento do estágio e até no emprego. São boas dicas sobre questões éticas, comportamentais e marketing pessoal”, afirma o coordenador.

10509497_602268583224124_6364231121706569304_n

“A Central de Estágios oferece dicas sobre questões éticas, comportamentais e marketing pessoal”, diz Marcos Tiburtino.

A estudante Rafaela Pimentel, do 5º período de Jornalismo da Fits, atualmente estagia no portal de notícias G1. Ao transferir seu curso para a instituição, Rafaela procurou a Central e fez seu cadastro.  “A Central facilita muito a relação com as empresas que concedem estágios, além da preocupação que eles têm com os alunos em relação ao desempenho na faculdade, que é fundamental. Não basta estagiar em vários locais, mas é preciso aliar com o que é aprendido em sala de aula.  Unir esses dois elementos, teoria e prática, é a melhor forma de concluir bem uma graduação e se tornar um profissional competente”, diz a estudante.

 

Para saber mais sobre a Central de Estágios FITS, acesse: http://al.unit.br/estagio/ ou ligue para 3311-3114.

 

 

Compartilhe: