MENU

Como escrever uma carta de motivação pessoal?

Saiba quais são os erros mais comuns que o aluno pode cometer ao planejar uma carta de motivação para mobilidade acadêmica

às 18h43
Compartilhe:

Um dos documentos indispensáveis durante a preparação do aluno para mobilidade acadêmica é a carta de motivação pessoal, ou como é conhecido popularmente, a famosa carta de apresentação, que é enviada às universidades de destinos.  

Por ser uma documentação tão importante, é importante que o aluno fique atento aos pontos essenciais, que são indispensáveis em qualquer carta de apresentação,  como: erros ortográficos, quais serão as informações adequadas para usar e tornar essa apresentação atrativa e eficiente,  os motivos pelos quais existe o interesse em participar da seleção, além de  ser o mais pessoal possível, mostrando sua personalidade, desejos de carreira,  pessoal e algumas experiências passadas que possam te auxiliar durante esse processo. 

Erros para evitar durante a execução  

Além das dicas acima, é importante que o aluno sempre leia o edital e preencha com informações necessárias e pedidas em edital, também é ideal que o aluno evite enrolações. Além de erros como: 

  1. Descrever características pessoais e profissionais que a universidade pode ser encontrada no currículo, perdendo assim espaço para novas informações;
  2. Dependendo do lugar de destino, a carta de apresentação deve ser realizada na língua local. Um erro muito grave é usar o tradutor para escrever essa carta; 
  3. E claro, sempre prestar atenção nos erros gramaticais e de digitação. 
Compartilhe: