MENU

Ciências Contábeis: conheça os desafios e perspectivas da profissão

Existe uma discussão que aponta que a profissão contábil neste período de pandemia deu um passo à frente por meio do uso de tecnologias

às 22h55
Profissionais de Ciências Contábeis têm se adaptado às necessidades impostas pela pandemia (Unsplash)
Profissionais de Ciências Contábeis têm se adaptado às necessidades impostas pela pandemia (Unsplash)
Compartilhe:

Responsável por cuidar das questões financeiras, tributárias, econômicas e patrimoniais de uma empresa, o contador também é um profissional liberal e deve estar preparado para atuar tanto como contabilista, quanto como gestor na área financeira, gestor de empresas, avaliadores, peritos judiciais, auditores públicos e privados. A área de Ciências Contábeis, como podemos perceber, é repleta de desafios e também de muitas perspectivas. 

“É uma profissão bem tradicional que está no âmbito das empresas, principalmente. Mas, a área em que o contador atua é bastante ampla, entretanto, é preciso que o profissional esteja capacitado para atuar em outras vertentes. Ou seja, um dos principais pontos para que se tenha sucesso na profissão é estar se atualizando constantemente”, explica o professor e coordenador operacional do curso de Ciências Contábeis da Universidade Tiradentes (Unit Sergipe), Cláudio Marcos Praxedes Dias.

Segundo ele, existe uma discussão que aponta que a profissão contábil neste período de pandemia deu um passo à frente. Isso porque, ao longo dos anos, o desenvolvimento das atividades da categoria já vinha exigindo o uso de tecnologias. “Então, quando trabalhar em home office passou a ser obrigatório devido à quarentena, o contabilista já estava preparado para trabalhar online, já havia se adaptado às novas tecnologias entendendo o mercado de trabalho. Pois, não é somente prestar o serviço, é preciso entender o que o mercado está exigindo”, ressaltou.  

Ainda segundo o professor, um dos pontos observados por alguns profissionais de contabilidade, é que houve por parte de empresários e clientes uma compreensão dos impactos na economia sofridos com a pandemia, inclusive, na questão da própria prestação de serviço. Isso, tanto nas renegociações de contratos, tendo em vista que os restaurantes, por exemplo, tiveram quedas nas receitas, quanto no entendimento de saber como e quando reajustar os valores cobrados, postergar e estar de acordo com a legislação.

“Essa preparação constante de mercado e de estar atualizado de acordo com todas as mudanças que ocorrem, seja na lei ou no próprio mercado de trabalho, fez com que o contabilista se tornasse um profissional bem sucedido”, ressaltou Cláudio Praxedes, dando a dica de que é sempre importante estar atualizado de acordo com as exigências do mercado de trabalho para avançar na carreira.

Deste modo, o profissional contábil precisa se diversificar dos outros profissionais que estão atuando na mesma área. “Não podem ser simplesmente os mesmos, precisam trabalhar um pouco mais do que a própria contabilidade. Procurar fazer um curso de marketing, de tecnologia, estar sempre abrangendo outras áreas. Isso vai se tornar um diferencial para esse profissional. E é preciso, também, ter foco”, explicou. 

Cláudio Praxedes disse, ainda, que a área de contabilidade, por mais que seja tradicional, é uma área cuja atuação está se ampliando e isso ficou muito reforçado nesses quase dois anos de pandemia. “As empresas têm necessidade do profissional contábil para que possam se adequar ao atual cenário econômico”, frisou. 

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: