MENU

As várias razões para cursar Engenharia Civil

Profissão está na base do desenvolvimento do país e, com o crescimento econômico pós-pandemia, pode ser uma grande geradora de empregos

às 21h09
Por ser uma área estratégica para o desenvolvimento, a Engenharia Civil deverá retomar os investimentos em breve (Unsplash)
Por ser uma área estratégica para o desenvolvimento, a Engenharia Civil deverá retomar os investimentos em breve (Unsplash)
Compartilhe:

A Engenharia Civil é uma das carreiras mais prestigiadas em todos os tempos. Mas para quem está em fase de planejamento de carreira e ainda não se decidiu, fica sempre uma questão: será que vale a pena cursar a área em 2021? Algumas razões a seguir vão mostrar que sim, vale muito a pena!

A profissão que está na base do desenvolvimento – Recentes pesquisas indicam a retomada econômica nos próximos anos, com crescimento da indústria da construção civil brasileira. Esse fato tão esperado demandará profissionais da área. Mas, mesmo em meio à crise por conta da pandemia, o setor registrou crescimento em seu mercado de trabalho nos primeiros meses deste ano. 

É uma carreira estratégica que depende de profissionais capacitados – De acordo com a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), o Produto Interno Bruto (PIB) do 2º trimestre deste ano do setor da construção registrou um crescimento de 2,7% e completou o 4º trimestre consecutivo de alta no setor. Com o resultado positivo do indicador, a previsão de alta para o setor está em torno de 4%.

Existem oportunidades nas grandes e pequenas cidades – De janeiro a julho deste ano, a construção registrou mais de 200 mil novos postos de trabalho com carteira assinada. Esse resultado vem sendo puxado pelo incremento das atividades do mercado imobiliário, que recebeu novo impulso em setembro, com o lançamento de mais um subsídio do governo federal para o financiamento de moradias. 

Será parte de grandes projetos – Grandes obras de engenharia perduram pela história de uma cidade, estado ou país. Mesmo uma residência comum acompanhará a história de uma família por dezenas de anos, fazendo parte da cultura e do imaginário de várias vidas. A Engenharia é uma profissão nobre, que exige muita responsabilidade e por isso é altamente valorizada pela sociedade.

Trabalha com inovação e tecnologia – O segmento está sempre a par das tendências do que é mais moderno e das inovações de ponta criadas para desenvolver uma melhor relação com o meio ambiente. A criação de novos materiais, por exemplo, é uma demanda permanente, com o objetivo de maior durabilidade, redução de custos de produção, maior resistência, mais segurança no trabalho e sustentabilidade ecológica. É uma área que vê a tecnologia como aliada e não uma ameaça.  

Alcança uma formação muito ampla – Formação lógica, processual, voltado para resolver problemas. A faculdade dá um leque de opções de atuação, nichos, para atuar como funcionário ou empreender ou ainda se tornar um pesquisador. Ser engenheiro ou engenheira civil é uma oportunidade de atuar em diversas atividades diferentes. Esse é um grande diferencial da profissão. Os conhecimentos adquiridos na graduação podem ser úteis de variadas formas, também por essas características é um profissional muito requisitado. 

Remuneração acima da média – A remuneração da classe supera a de outras categorias. Existe uma legislação que estabelece um salário-base de 8,5 vezes o salário mínimo nacional para uma jornada de oito horas diárias. Teoricamente, nenhum engenheiro pode ganhar menos que isso e o salário de recém-formados costuma ser bem superior à média das outras profissões. 

Cursos de Excelência disponíveis – Por ser uma das áreas mais reconhecidas e estratégicas, a Engenharia Civil faz parte do catálogo acadêmico das principais instituições de ensino universitário do país. O Grupo Tiradentes, por exemplo, conta com esta graduação em modalidade presencial na Universidade Tiradentes (Unit Sergipe) e nos Centros Universitários Tiradentes (Unit Alagoas e Unit Pernambuco). 

Asscom | Grupo Tiradentes 

Compartilhe: