MENU

Apala promove capacitação gratuita para alunos de Medicina e Enfermagem

Jornada online faz parte do projeto ‘Quanto mais cedo melhor’ e falará sobre o diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil

às 14h34
Compartilhe:

Neste mês de outubro, a Apala e o Instituto Ronald McDonald dão continuidade ao projeto ‘Quanto mais cedo melhor’, com objetivo de conscientizar acerca do câncer infanto juvenil e alertar para os principais sintomas da doença. Como parte das ações, está o Programa Diagnóstico do Câncer Infantojuvenil voltado para a realização de capacitações de profissionais e estudantes da área da saúde.

O curso será ministrado pela Dra. Suzana Marinho Lima Fernandes, médica Oncologista Pediátrica e coordenadora científica do projeto, que demonstrará aos estudantes dos cursos de Medicina e Enfermagem do Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL) como identificar precocemente os sinais e sintomas do câncer em crianças e adolescentes, realizar um encaminhamento mais ágil aos serviços especializados, reduzindo, portanto, o tempo entre o aparecimento dos sintomas e o diagnóstico, aumentando sensivelmente a expectativa de cura dos pacientes.

Devido à pandemia e restrições de isolamento social, a capacitação será de forma virtual, por meio da Plataforma Zoom. Os participantes terão direito a certificado com carga horária de 6 horas.

Confira a programação definida para cada curso:

Público alvo: Alunos de Medicina da Unit/AL

Dia: 07/10, 19h às 22h

Link para inscrição (até 06/10):

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSe4d_-zQq0-n6eoPj5rclFuIz8X-sPO75jiICRgPTUVhYmrOA/viewform

Obs: no ato da inscrição, informe seus dados pessoais e acadêmicos e também a instituição pela qual participa: Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas

Público alvo: Alunos de Enfermagem da Unit/AL

Dia: 21/10, 19h às 22h

Link para inscrição (até 18/10):

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc_32Q1qpokjEzINFP_s69-beQ7SgqFwgppgFv4g0I7yStV1A/viewform

Obs: no ato da inscrição, informe seus dados pessoais e acadêmicos e também a instituição pela qual participa: Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas

Compartilhe: