V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Aluna apresenta seis trabalhos na Semana Brasileira do Aparelho Digestivo

Thaisa Moretti contou a orientação dos professores Dr. Daniel Costa e Dr. Tiago Torres

às 15h10
Os alunos do Centro Universitário Tiradentes – Unit sempre são incentivados a realizarem produções acadêmicas para que possam conquistar um intercâmbio acadêmico em congressos e eventos de suas áreas de atuação e foi pensando nisso que a discente do curso de Medicina, Thaisa Moretti, apresentou seis trabalhos na Semana Brasileira do Aparelho Digestivo. O evento aconteceu no Transamérica Expo Center, em São Paulo.
Compartilhe:

A Semana Brasileira do Aparelho Digestivo é o maior evento da Gastroenterologia, não só do Brasil, mas da América Latina. A realização dele aconteceu em conjunto com a Semana Pan-americana de Enfermidades Digestivas (SPED 2018). Esses dois congressos forão promovidos pelas três sociedades nacionais: a Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG), a Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED) e o Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva (CBCD) e pelas duas pan-americanas: a Organização Pan-americana Gastroenterologia (OPGE) e a Sociedade Interamericana de Endoscopia Digestiva (SIED).

Os seis trabalhos da Thaisa Moretti foram orientados pelo Dr. Daniel Costa (casos de gastroenterologia clinica e endoscopica)  e pelo Dr. Tiago Torres (casos de cirurgia de aparelho digestivo), coordenador e colaborador da LAGEU, respectivamente.

Os trabalhos acadêmicos receberam os seguintes títulos: Perfuração gástrica por osso de frango: remoção endoscópica e tratamento conservador- relato de caso. Análise do atendimento à ingestão de corpo estranho no setor de endoscopia de hospital público – estudo retrospectivo. Viabilidade do emprego da CPRE no tratamento de fístulas bronquiobiliares. Abdome agudo obstrutivo por brida intestinal em paciente portador dr hérnia inguinal – relato de caso. Abdome agudo obstrutivo por hérnia de Richter e Custo-benefício do emprego de sonda magnética em casos de ingestão de moedas em pacientes pediátricos de um hospital público de Maceió.

Thaisa destaca a importância do estudo sobre os casos de corpo estranho e da sonda magnética feitos no setor de endoscopia do Hospital Geral do Estado – HGE, pois os estudos fizeram levantamentos importantes de atendimentos, levando a conclusões que ajudam a melhorar o atendimento dos pacientes e também desonerando o sistema.

“Eu esperei o ano inteiro por esse evento, é o maior e mais importante congresso brasileiro do aparelho digestivo! A estrutura do evento é impecável, atualizações da área, congressistas reconhecidos nacional e internacionalmente! Porém, confesso que foi muito difícil pra mim, participar! Tive um irmão assassinado e que foi sepultado durante o congresso, honrei meu compromisso com a medicina e com ele, fazendo também o que ele sempre mais teve orgulho em mim, dediquei-me ao que estudei e me preparei”, afirma a aluna.

 

Compartilhe: