MENU

A importância da avaliação como processo contínuo de aprimoramento

A Avaliação Nominal Docente e da Gestão Acadêmica da Unit, prossegue até o dia 15 de junho e engloba docentes e discentes.

às 18h27
Acesse o Magister e faça sua avaliação.
Acesse o Magister e faça sua avaliação.
Compartilhe:

Alunos, professores e coordenadores de cursos presenciais têm até o dia 15 de junho a oportunidade de darem suas parcelas de contribuição (como fazem anualmente) para a melhoria da qualidade do ensino da IES que mais cresce na região Nordeste.

Até a data estabelecida, basta que os membros pertencentes a cada um desses grupos participem por meio do Magister da Avaliação Nominal Docente e da Gestão Acadêmica.

Coordenada pela Comissão Própria de Avaliação, a iniciativa, que é realizada a cada semestre letivo, objetiva manter um processo sistemático e contínuo de autoconhecimento e melhoria do desempenho acadêmico.

O incessante propósito por oferecer a melhor qualidade no ensino, na pesquisa e na extensão, a Avaliação Docente reflete adequadamente com o compromisso do Centro Universitário Tiradentes (Unit/AL) com a qualidade dos serviços prestados à comunidade acadêmica, bem como a formação profissional.

Em razão do atual momento, assim como todas as outras atividades que buscam a preservação de vidas e das condições de atendimento do sistema de saúde, a avaliação está disponibilizada por meio do portal Magister/Graduação.

Nesse espaço, os alunos avaliam os professores, a coordenação de curso e as disciplinas on-line. Os professores avaliam a coordenação de curso, e os coordenadores avaliam os professores.

Compromisso com a qualidade

No tocante as atividades da CPA, nesse cenário de excepcionalidade, seu compromisso em contribuir com o processo da qualidade do ensino é primordial.  Assim, a cada semestre letivo, alunos, professores e coordenadores de cursos participam da Avaliação Nominal Docente e da Gestão Acadêmica.

A avaliação interna está integrada à gestão acadêmica, ao tempo em que também alimenta o planejamento da Instituição possibilitando realizar ações estratégicas para assegurar que a qualidade do ensino fornecido atenda aos padrões recomendados pelo MEC.

A CPA é prevista pela Lei Federal nº 10.861, de 14 de abril de 2004. De acordo com o disposto no art. 11, cada instituição deve constituir uma CPA com as funções de coordenar e articular seu processo interno de avaliação e disponibilizar informações que possibilitem melhorias funcionais e educativas na instituição de ensino.

Compartilhe: