MENU

Enfermagem é a profissão que mais emprega

Hospitais e clínicas, centros de estética, escolas, laboratórios, ambulatórios homecare. O que não falta é oportunidade

às 13h18
Compartilhe:

As atividades relacionadas à promoção, restabelecimento e manutenção da saúde de cidadãos têm garantido ao enfermeiro grande empregabilidade nacional e internacional. Atuando em parceria com outros profissionais, sejam eles médicos, nutricionistas ou psicólogos, os enfermeiros correspondem a cerca de 50% dos trabalhadores da área de saúde no Brasil, segundo dados do IBGE. A profissão lidera as dez formações que apresentam os melhores índices de empregabilidade, segundo dados divulgados este ano pelo grupo H&R Block.

Os enfermeiros estão presentes em todos os municípios e fortemente inseridos no Sistema Único de Saúde – SUS – e nos setores público, privado, filantrópico e de ensino. As regiões Sul e Sudeste abrangem o maior número de empregadores, já a carência de profissionais no Norte e Nordeste do País – principalmente com especialização em obstetrícia – representa boas chances de colocação no mercado.

Novas diretrizes

A assistência domiciliar prestada pelo enfermeiro tem acompanhado o aumento da expectativa de vida da população brasileira. Com isso, os campos de atuação desse profissional passaram a abranger, além de hospitais e clínicas de saúde, centros de estética, escolas infantis, laboratórios de análises clínicas, ambulatórios empresariais e serviços de homecare.

As especializações representam, nesse contexto, o ponto alto das novas diretrizes relacionadas à ocupação de vagas no mercado de trabalho. Entre os cursos de especialização mais procurados estão os de Enfermagem Neonatal, Cardiologia, Nefrologia, Emergência e UTI de adultos.

Os enfermeiros emergencistas, especializados em atendimento pré-hospitalar, têm ampla representatividade nos campos de atuação da Enfermagem, assim como os enfermeiros gestores dos serviços de saúde, os sanitaristas, os obstetras.

ENFERMAGEM

Remuneração e habilidades

O enfermeiro graduado tende a adquirir remuneração inicial de R$2.500, chegando a obter R$5 mil ou até R$7 mil por serviços prestados em vínculos diversos. Com amplo preparo acadêmico e especialização que atenda as necessidades específicas do mercado de trabalho, esse profissional pode receber até R$10 mil. No Canadá, um dos países em que a Unit tem parcerias de intercâmbio, a remuneração pode chegar ao equivalente a mais de R$24 mil.

Compartilhe: